so we sing.

 

Como outrora, a vida segue cheia de botões escondidos e de tão poucas pessoas a espiar o nascimento da flor, que toda vez me lembro da cena esperançosa de um amigo observador de cactos. Ao percebê-los em tão significativo sinal do desabrochar de um botão – revive sua felicidade efêmera.

Não que essa fosse a única opção do vôo tortuosamente reto.

                                                                                                                                                                                          Estela C.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s