Críticas Show “Monofoliar”

Fotografia: @Giulia Medeiros (Cajú)

 

SITE: CIRCUITO MATO GROSSO

COMENTÁRIOS NA SAÍDA
Show ”Monofoliar” da cantora e compositora Estela Ceregatti .
 
A cantora e compositora Estela Ceregatti apresentou seu primeiro show autoral no teatro do SESC Arsenal  com a produção da própria artista em parceria com a Dona Tatu produções artísticas. O show “Monofoliar” lotou o teatro com público e talento. Ouvimos talentosa pesquisa musical, vimos uma timidez de palco carismática e alguns momentos de descontração. Ceregatti como compositora  trouxe  a esperança de formação de mercado fino para Cuiabá, afiada pesquisa, finas letras em canções sedutoras. Como intérprete há um paradoxo atraente, seriedade e eficácia no domínio da voz e uma movimentação de palco quase doméstica, quase divertida, seus agradecimentos despencavam o ritmo da apresentação, mas não sacrificaram a noite. O talento dos músicos Jhon Stuart (Piano e Baixo Acústico) Daniel Baier (Vibrafone e percussão múltipla) Juliane Grisólia (Percussão múltipla, violão e Voz), Tarcísio Sobreira (Bateria e Vibrafone e Glockenspiel) elevaram o espetáculo para uma experiência musical redonda, surpreendentemente cheia de detalhes. Às vezes senti que o volume de alguns cobria a voz de Ceregatti, às vezes quis canções mais curtas, houve excesso em alguns volumes e duração, mas tudo dentro de uma escala nobre.   Como intérprete, esse debut me  lembrou Olívia Byington, Tetê Spindola; me lembrou forte autoria delicada, com sofisticação  marcada e cara de improviso.  O Maestro Fabrício Carvalho, entre um aplauso e outro, comentou a grandiosidade de tamanha virtude: ESTELA NAO CABE EM SI.
E a cantora Vera Capilé arrematou: TALENTOSA, CRIATIVA, CULTA, SENSÍVEL!
Aplausos.

Por: Luiz Marchetti

Confira crítica no site do CIRCUITO MATO GROSSO:

 http://www.circuitomt.com.br/impresso/caderno_dois/68

 

 

SITE: MEU PALCO

O show ‘Monofoliar’ de Estela Ceregatti de sábado e domingo passados deixou o público extasiado. Produzir som com tal expressão penetrante e alento nos conforta. Sensação de ser reconhecido, de se identificar ali naquela arte enquanto expressada, apresentada. O show foi todo pontuado de surpresas. Sempre partindo de uma simplicidade para resultar numa composta essência emotiva.
Mas quero destacar do trabalho a palavra DISCIPLINA. Caminho pelo qual devemos seguir para cumprir objetivos e metas com sucesso, como foi o resultado desta produção.
Aguarde o próximo.

Por: Osvaldo Tancredo

Confira crítica no Site MEU PALCO:

http://www.meupalco.com.br/2011/03/arte-pela-arte-reverencia-do-som-com.html

 

Agradeço imensamente as palavras! O olhar de vocês é muito especial e certamente as críticas são muito construtivas, aprendo sempre!  Já me preparo para uma próxima apresentação; Espero revê-los.

Abraço musical,

Estela Ceregatti.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s